O ENS Labs aceitará a oferta de acordo de US$ 300 mil da Manifold?

ENS Labs, a organização responsável pelo Ethereum Name Service, está considerando uma oferta de acordo de US$ 300.000 da Manifold Finance em relação à reivindicação do domínio eth.link. Este emaranhado jurídico para o qual foram arrastados vários registadores de domínios e que tem provocado muitas discussões, representa um ponto crítico para ambas as partes.

Esta proposta, juntamente com outra votação sobre o reembolso dos honorários advocatícios de US$ 750.000 do ENS Labs dos fundos DAO, complica ainda mais a questão.

Antecedentes da disputa ENS

O conflito de nome de domínio eth.link começou em agosto de 2022 depois que uma falha no processo de renovação resultou na transferência do domínio para fora do ENS Labs onde havia sido registrado.

Este campo tem representado uma parte essencial da comunidade Ethereum, facilitando o acesso aos nomes ENS através de navegadores da web e apoiando grandes projetos de finanças descentralizadas (DeFi). A transferência e a posterior venda do domínio resultaram em uma disputa legal que inclui várias partes e entre os registradores do domínio, bem como a Manifold Finance.

Proposta de acordo da Manifold

A Manifold Finance apresentou um acordo que inclui um pedido de US$ 300.000 do ENS Labs e acordos de confidencialidade e não depreciação. A intenção desta oferta é resolver o conflito existente sem ações judiciais adicionais.

Esses detalhes foram revelados por Nick Johnson, fundador da ENS, que enfatiza a dificuldade de chegar a um acordo que satisfaça todas as partes envolvidas. O acordo sugerido fez com que o ENS Labs pensasse cuidadosamente sobre o que fazer a seguir caso aceitasse a oferta ou continuasse a processar.

Envolvimento e tomada de decisão do DAO

A escolha de aceitar a proposta do Manifold cabe à comunidade ENS Labs e, especificamente, ao seu DAO. A comunidade está neste momento a considerar várias opções, que incluem adotar o acordo, entrar em novas negociações, continuar com o processo ou simplesmente ignorar o caso e correr o risco de perder o domínio eth.link. Além disso, sugere-se uma votação para reembolsar os enormes honorários advocatícios pagos durante esta controvérsia com os fundos do DAO.

Esta controvérsia e a sua resolução têm consequências mais amplas para o ecossistema criptográfico, iluminando a dificuldade e a complexidade do controlo de ativos digitais e nomes de domínio em sistemas descentralizados. A resolução desta reclamação pode estabelecer precedentes sobre como tais disputas serão resolvidas no futuro, sublinhando a necessidade de acordos explícitos e o papel dos DAOs em disputas na comunidade criptográfica.

Enquanto isso, o token ENS esteve em fase de baixa nas últimas 24 horas, depois de não conseguir romper a resistência de US$ 23,06. Até o momento, o ENS estava sendo negociado a US$ 22,23, uma queda de 1,14% em relação à mínima intradiária.

Stacks Price Rally visa US$ 2,5 enquanto o crescimento da TVL alimenta o impulso de recuperação

2024-02-13 23:49